Saiba como acabar com a caspa de maneira rápida e eficiente

A dermatite seborreica, conhecida popularmente como caspa, é um processo natural de renovação celular da pele que ocorre couro cabeludo, ocasionando na descamação e gerando um incômodo para homens e mulheres. Mas, felizmente, há muitos tratamentos para isso!  Saiba tudo sobre essa condição e como acabar a caspa de maneira rápida e eficiente!

como acabar com a caspa

É possível acabar com a caspa definitivamente?

De acordo com dermatologistas, a caspa é definida basicamente como a descamação da pele do couro cabeludo, que precisa se renovar. Assim como em outras partes do corpo, as glândulas sebáceas produzem secreções (oleosidade) que protegem a pele dessa área de fatores externos, como o frio, por exemplo. Nesse processo, ocorre a vermelhidão, coceira e a formação das incômodas casquinhas, resultado da pele morta que está sendo eliminada.

Além disso, alterações hormonais, má alimentação e principalmente a predisposição genética são alguns motivos para essa condição. Por isso, não há uma maneira de acabar com a caspa definitivamente, e sim, atenuar o problema com alguns tratamentos e produtos, que funcionam de maneira rápida e eficiente.

Verdades e mitos

Quando se trata de caspa, o conhecimento popular revela algumas coisas que não sabemos se é verdade ou puro mito. Veja as mais comuns:

  • Só homem tem caspa

Mito! Embora seja mais recorrente nos homens, as mulheres também estão propensas a esse problema. O que acontece é que o público masculino tem uma quantidade maior de hormônios e glândulas sebáceas, que acabam produzindo mais oleosidade e sebo no couro cabeludo.

Nos homens, a caspa pode alastrar e atingir outras regiões além do couro cabeludo, como as sobrancelhas, a região do nariz e a barba. Por isso, os rapazes precisam ficar atentos para acabar com essa situação e evitar que ela se agrave.

  • Usar muito condicionador causa caspa

Mito! Não é pelo uso frequente de algum produto que a caspa acontece, e sim por fatores internos. Portanto, não há relação do uso contínuo do condicionador com essa condição.

  • A má alimentação contribui para a caspa

Verdade! Segundo especialistas, o consumo de alimentos gordurosos, açucarados e bebidas alcoólicas em excesso pode agravar o quadro em pessoas que já sofrem com esse problema.

  • A caspa é contagiosa

Mito! Como já mencionado, por ser um problema corporal interno causado pela predisposição genética e outros fatores, não tem sentido afirmar que a caspa é contagiosa. Portanto, não há problema em compartilhar pentes e outros acessórios com pessoas que sofram com isso.

como acabar com a dermatite seborreica

Uma rotina de limpeza diária é primordial para acabar com a caspa

  • Lavar o cabelo todos os dias piora a situação

Mito! A lavagem diária não contribui para a caspa, e sim a esfregação constante, já que esse procedimento estimula as glândulas sebáceas a trabalharem mais e, consequentemente, produzirem mais oleosidade.

Banhos muito quentes também obriga as glândulas a produzirem mais oleosidade. Isso ocorre porque o corpo entende que a região está seca e precisa ser ‘protegida’.

  • A caspa contribui para a queda de cabelo

Verdade! O processo inflamatório dos folículos pilosos ocasionado pela caspa pode contribuir para a queda de cabelo, sobretudo nas mulheres. Porém, é mito afirmar que esse problema seja o único responsável pela calvície.

  • A caspa não tem cura

Verdade! Embora os tratamentos sejam cada vez mais eficazes, eles não acabam com o problema definitivamente. Uma pessoa que já tem predisposição genética para a caspa terá que lidar com esse incômodo em vários períodos da vida, de forma leve ou mais intensa.

Remédios caseiros e soluções simples

Algumas dicas são primordiais para ajudar a acabar com a caspa. Os remédios caseiros são importantes para dar jeito nesse problema quando ele ocorre com frequência:

  • Carqueja: o chá de carqueja limpa e elimina toxinas do organismo, eficaz para acabar com a caspa;
  • Vinagre de maçã: misture um pouco desse vinagre com água e aplique nos cabelos, deixando agir por 40 minutos, retirando o excesso no banho. Esse ingrediente fortalece e dá mais brilho aos fios;
  • Babosa (aloe vera): O líquido gelatinoso encontrado na folha da babosa é ótimo para dar fim à seborreia. Massageie o couro cabeludo com esse gel por alguns minutos e lave o cabelo em seguida;
  • Limão: Esprema um limão fresco e aplique no couro cabeludo depois da lavagem. As madeixas ficarão com maior brilho e pouco propensas à caspa.
  • Aipo: Ferva um litro de água com um caule de aipo por 5 minutos. Deixe esfriar e use massageando lentamente. Muitas pessoas garantem que essa é uma ótima opção anticaspa.

Shampoos e sabonetes naturais à base de ervas também são ótimas opções para acabar com a caspa, como o eucalipto, tomilho, alecrim e sálvia. Eles têm propriedades antissépticas e antifúngicas que ajudam na limpeza do couro cabeludo. Você pode compra-los em lojas especializadas e farmácias de manipulação.

sabonete alecrim anticaspa

Sabonetes à base de ervas também são bons para acabar com a caspa

Hábitos simples também ajudam (muito) a atenuar esse incômodo:

  • Evite comer alimentos gordurosos com frequência, como frituras, doces e embutidos;
  • Não use bonés e chapéus se você tem caspa constantemente;
  • Beba muita água e mantenha o corpo hidratado;
  • Seque bem os cabelos e nunca durma com os fios molhados e úmidos;
  • Não coce o couro cabeludo, esse costume é péssimo e agrava ainda mais o problema;
  • Use um shampoo anticaspa próprio para seu tipo de cabelo;
  • Lave bem a cabeça com água morna após os exercícios físicos e atividades com suor intenso.

A caspa também pode atingir os bebês. Conhecida como crosta láctea, ela geralmente não causa coceira. Para ser combatida, uma solução eficaz é aplicar óleo vegetal de amêndoas no couro cabeludo da criança, passar um pente fino e lavar com shampoo neutro. 

Tratamento para caspa

Além de apostar nas soluções caseiras e dar fim aos maus hábitos que agravam a caspa, é essencial a orientação de um dermatologista para saber qual é a causa do problema. Em muitos casos, é fácil controlar esse incômodo, embora ele não seja curado definitivamente.

A principal atitude para acabar com a caspa é manter a oleosidade do couro cabeludo controlada, por isso é essencial uma série de cuidados que melhoram a saúde de todo o corpo. Uma pessoa bem nutrida e com tudo em dia dificilmente sofrerá com esse problema.

De acordo com especialistas, a combinação perfeita para acabar com a caspa é usar um shampoo próprio, manter os cabelos tratados e fortes, ter uma boa alimentação e acabar com os maus hábitos. O desespero e a procura de métodos milagrosos podem prejudicar ainda mais o quadro, por isso é primordial ter paciência e seguir as instruções do médico.

Shampoo anticaspa e outros produtos

Felizmente, há diversos produtos disponíveis nas lojas de cosméticos para acabar com a caspa. Os shampoos são os principais: além de componentes naturais, possuem cetoconazol. Essa substância sintética tem propriedades anti-inflamatórias e antifúngicas e é utilizada em cremes e loções para atenuar vários problemas capilares, como a seborreia, a micose e a calvície. Confira alguns produtos indicados:

garnier fructis anticaspa

Linha Anticaspa Garnier Fructis

 

head shoulders contra a caspa

Shampoo e condicionador anti caspa e coceira Head & Shoulders

 

shampoo kerastase anticaspa

Loção anticaspa Kérastase

 

kerium ds anticaspa

Shampoo Anticaspa Kerium DS

 

biomedicin shampoo anticaspa

Shampoo Anticaspa BioMedicin

 

shampoo ducray anticaspa

Shampoo Anticaspa Ducray

 

loreal paris anticaspa

Loreal Paris à base de limão e frutas cítricas

 

Shampoo Cetoconazol contra a caspa

Shampoos Anticaspa à base de cetoconazol Medley e Teuto

Embora seja uma condição que não tenha cura e seja eliminada definitivamente, os tratamentos para acabar com a caspa são muito eficazes. Se tiver dúvidas, converse e se oriente sempre com seu dermatologista. Conte sua experiência para nós e não deixe de acompanhar todo o conteúdo exclusivo que preparamos para você!


You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *